Protótipo do McLaren Speedtail 2020 alcança 402 km/h mais de 30 vezes em teste

  • gallery

  • gallery

  • gallery

  • gallery

  • gallery

  • gallery

  • gallery

Finalmente chega um McLaren mais rápido que o F1.

O McLaren Speedtail chegou a uma velocidade máxima de 402 quilômetro por hora quando foi revelado há mais de um ano, e agora a McLaren está provando isso. Testes de alta velocidade no Johnny Bohmer Proving Grounds no Kennedy Space Center, na Flórida, viram um protótipo Speedtail chamado XP2 atingir os quilômetros ditos por 30 vezes. O piloto de testes da McLaren, Kenny Brack, era o homem de sorte atrás do volante, pressionando o pedal.

Atualmente, o recorde oficial de 386,4 km/h ainda está com o McLaren F1, o carro de produção mais rápido do mundo com um motor naturalmente aspirado. Ele conseguiu atingir esse recorde de velocidade máxima com um V12 de 627 cavalos de potência e caixa de câmbio manual de seis velocidades. O Speedtail possui um trem de força híbrido que produz 1.055 cavalos de potência e 117 kgfm de torque. Entretanto, é necessário aguardar por mais detalhes, pois diz respeito à combinação de trem de força do Speedtail de motor a gasolina e motor elétrico – podendo ser mais de um elétrico.

Leia também:

A McLaren também anunciou hoje que a produção do Speedtail começou no McLaren Production Center em Woking, Reino Unido. Estes são os primeiros de 106 pedidos de clientes definidos para serem construídos e as entregas começarão em fevereiro deste ano.

Como lembrete, o Speedtail não será legalmente rodoviário nos Estados Unidos – muito menos em solo brasileiro – devido ao fato de a configuração de três lugares não atender aos requisitos de segurança. Independentemente disso, um terço de todos os Speedtails foram vendidos para clientes norte-americanos, o que significa que essas pessoas precisarão solicitar um show e exibir isenção para aproveitar seus Speedtails.

Fonte: McLaren