O novo projeto da Maserati tem a cara do futuro eletrificado

Com proposta ousada, a marca planeja uma linha totalmente elétrica.

A marca Maserati está totalmente elétrica, pelo menos, é assim com base no roteiro do produto da marca. Para a Fiat Chrysler do terceiro trimestre de 2019, o grupo responsável pela Maserati revelou que todos os futuros carros da marca apresentarão uma variante elétrica. O futuro da Maserati parece brilhante, embora seja muito mais silencioso.

Para ganhar rapidamente participação de mercado, a Maserati está apostando grande parte de seus futuros produtos em eletrificação. A formação atual da Maserati não é exatamente a líder de classe, porém, torna-se necessário dizer que as ofertas de motores é um de seus pontos altos. Entretanto, as variantes elétricas de seus futuros projetos chegam para tomar lugar.

De acordo com o funil de produtos Maserati, a marca está lançando um novo carro esportivo em 2020. Este novo modelo substituirá temporariamente o Gran Turismo antigo, que deve retornar à programação em 2021. O novo carro esportivo da Maserati apresentará uma versão eletrificada e inaugura a nova era da Maserati de transmissões elétricas.

Leia também:

Em 2021, a fabricante italiana lançará uma versão Cabrio de seu novo carro esportivo, além de um D-UV novinho em folha e um Gran Turismo reinventado. O D-UV da Maserati certamente compartilhará um pouco de DNA com o renovado Stelvio D-UV da Alfa Romeo, que também deve estrear em 2021. O retorno do Gran Turismo espera levar o grand tourer envelhecido à era moderna. Variantes eletricadas de Gran Turismo podem ser cogitadas, mas atualmente não está claro quantas versões esperar.

Olhando para o futuro de 2022, a montadora planeja lançar uma versão Cabrio do Gran Turismo atualizado e um novo Quattroporte Sports Sedan. Em 2023, entrará em cartaz um novo Levante SUV que, é claro, contará com uma variante elétrica.

A Maserati também afirma que todos os seus novos modelos alcançarão recursos de direção autônoma de nível 3. De acordo com os níveis vagamente controlados de automação, o nível 3 inclui a capacidade de navegar não apenas na condução em rodovias, mas também em rampas e na cidade. A empresa não possui ofertas de automação atuais, mas chegou com esta proposta corajosa.

Fonte: FCA